Kindle: entenda como funciona o e-reader da Amazon neste guia completo


Taysa Coelho
Taysa Coelho
Jornalista

O Kindle é um dispositivo móvel criado especificamente para a leitura de e-books. Fabricado pela Amazon, o e-reader é equipado com tela com tecnologia e-ink, que torna o display visualmente mais próximo ao papel.

Atualmente, estão disponíveis para venda na Amazon Brasil três modelos: o Novo Kindle, o Kindle Paperwhite e Kindle Oasis. Os livros são vendidos em uma loja virtual própria, com preços mais em conta do que os de papel. Além disso, é possível começar a leitura assim que comprar.

O AppGeek preparou um guia completo sobre o Amazon Kindle. Descubra o que é, como funciona, como comprar livros e muito mais.

O que é o Kindle

Kindle é o nome dado aos dispositivos de leitura de livros digitais fabricado pela Amazon. O aparelho conta com três modelos que, em comum, têm a tela antirreflexo sensível ao toque, conexão com Wi-Fi e bateria capaz de durar por até seis semanas.

As principais diferenças entre eles são a resolução e tamanho do display, quantidade de LEDs na iluminação embutida e o fato de ser ou não à prova d’água.

Novo Kindle

Novo Kindle

O Novo Kindle pesa 161g e tem tela de 6 polegadas com resolução de 167 ppi. O modelo mais básico da franquia conta com 4 LEDs ajustáveis, que permitem ler mesmo no escuro.

Oferece 4GB de armazenamento, o que, de acordo com a Amazon, é o suficiente para guardar milhares de livros. O diferencial em relação aos outros modelos está no fato de ter duas opções de cores: preta e branca. Este exemplar não é à prova d’água.

Kindle Paperwhite

Kindle Paperwhite

O Kindle Paperwhite pode oferecer a melhor relação custo-benefício para quem acredita que 4GB não sejam o suficiente. O modelo, disponível na cor preta, conta com opções de 8GB ou 32GB de armazenamento.

O dispositivo de 182g apresenta 5 LEDs ajustáveis e a tela de 6 polegadas tem resolução de 300 ppi, o que confere mais nitidez.

Por ser à prova d’água, permite que o usuário leia na piscina, na banheira ou onde mais quiser. Contanto que respeite o limite de 2 metros de profundidade em água doce por até 60 minutos.

Kindle Oasis

Kindle Oasis

O mais sofisticado dos Kindles, o Oasis é o único modelo que conta com botões físicos específicos para virada de página. Sua tela de 7 polegadas tem resolução de 300 ppi.

O aparelho conta com 25 LEDs com sensor adaptável e opção de controle de temperatura de luz. Disponível na cor grafite, pesa 188g e tem capacidade de 8 ou 32GB.

Assim como o Paperwhite, o Kindle Oasis é à prova d’água (doce) e resiste a um mergulho de até 2 metros por no máximo 60 minutos.

Como funciona o Kindle

Voltado especificamente para a leitura, o Kindle é um dispositivo eletrônico que oferece menos funcionalidades que celulares e tablets. Mas isso não significa que não tenha recursos úteis para os usuário.

Como baixar ou transferir livros e arquivos

Os livros e arquivos hospedados no Kindle podem ser baixados na diretamente pelo aparelho, pelo app para smartphones e tablets ou no computador. Caso esteja conectado à sua conta da Amazon, consegue sincronizá-los e, assim, continuar a leitura de onde parou.

Também é possível fazer a transferência de arquivos via cabo USB 2.0 ou através do envio para o e-mail do seu Kindle. O endereço pode ser encontrado em Configurações → Todas as configurações → Sua conta → Endereço de e-mail do Kindle.

Principais funcionalidades

Kindle

Durante a leitura de um livro, é possível destacar trechos que considere importantes e encontrá-los na seção Notas do e-book. Caso esteja conectado a uma rede Wi-Fi, consegue ainda pesquisar pelo significado de palavras ou traduzi-las.

Se quiser, pode compartilhar suas passagens preferidas com os amigos por e-mail ou redes sociais.

A fonte do texto também pode ser alterada, bem como o tamanho da letra. Já a luminosidade pode ser regulada àquela que garante a leitura mais confortável de acordo com a luz ambiente.

Bateria dura por semanas

De acordo com a Amazon, a bateria do Kindle suporta até 6 semanas de uso em apenas uma recarga. Esse cálculo é baseado em um uso diário de meia hora, com Wi-Fi desligado e luminosidade média. Portanto, esse tempo pode variar bastante de acordo com a utilização.

O Novo Kindle e o Paperwrite são totalmente recarregados em até 3 horas, quando ligados diretamente à corrente elétrica. Conectados a um computador, levam cerca de 4 horas. Já o Oasis demora menos de 3 horas para fazer a recarga completa ligado a um PC.

Formatos de arquivos suportados pelo Kindle

O Kindle é compatível com alguns formatos de documentos além dos e-books. Segundo a fabricante, os aparelhos conseguem abrir arquivos nos formatos Kindle 8 (AZW3), Kindle (AZW), TXT, PDF, MOBI sem proteção e PRC nativo.

Também são suportados itens salvos nas extensões HTML, DOC, DOCX, JPEG, GIF, PNG, BMP por meio de conversão.

Como funciona a tela do Kindle

Kindle

A tela do Kindle é equipada com uma tecnologia chamada de e-ink, cuja tradução mais aproximada seria algo como tinta eletrônica. O display é composto por milhões de microesferas com pigmentos branco e preto.

Elas são posicionadas entre dois painéis de plástico, carregados com corrente elétrica, que são chamados de eletrodos.O pigmento branco tem carga positiva, enquanto o preto, negativa. As esferas se movem para cima e para baixo de acordo com a carga aplicada no eletrodo inferior.

Por exemplo, se é utilizada uma carga negativa, as esferas pretas são repelidas e, nesse pixel, a imagem fica preta. E esse processo se repete a cada pixel, formando então as letras e imagens na tela.

A técnica permite a criação de um display antirreflexo, uma vez que não produz luz, mas aproveita aquela presente no ambiente. O resultado é um visual que se assemelha bastante ao papel, garantindo leitura confortável mesmo à luz do sol.

Como comprar livros no Kindle

Os livros do Kindle podem ser comprados através do próprio dispositivo, do app do Kindle, disponível para Android e iOS, ou pelo site da empresa. A loja virtual da Amazon permite comprar livros individualmente ou assinar um pacote chamado de Kindle Unlimited.

O plano é uma espécie de Netflix da literatura. Os assinantes pagam uma mensalidade e têm acesso ilimitado a milhares de títulos. Nesse caso, o usuário não é dona do livro e, caso cancele a assinatura, não terá o título à disposição no aparelho.

Vale destacar que o programa não inclui todos os títulos disponíveis na loja, principalmente best-sellers e lançamentos.

No caso da compra de obras individualmente, há a possibilidade de ler uma prévia. Para isso, basta tocar sobre a imagem da capa e ir em Baixar uma amostra.

Onde baixar livros para o Kindle de graça?

A própria Amazon disponibiliza obras gratuitamente. Na época da produção deste artigo, havia mais de 8900 títulos disponíveis de graça. Para encontrá-los no Kindle, basta acessar a loja e descer a tela até o final. Então, encontrará a opção e-Books gratuitos.

Entre os livros encontrados estãoSejamos todos feministas, de Chimamanda Ngozi Adichie, e Dom Casmurro, de Machado de Assis.

Devo comprar um Kindle?

Decidir entre comprar um Kindle ou não pode ser um decisão difícil para quem adora caminhar pelas livrarias e sentir o cheiro de um exemplar novinho. Para ajudar, listamos algumas vantagens de ter o e-reader. Confira e veja se vale ou não a pena para você comprar um dispositivo do gênero.

  • Livro em mãos na hora: você pode não sentir aquele cheirinho de livro novo, mas terá o exemplar desejado em pouquíssimos cliques. Basta ter acesso a uma rede Wi-Fi.
  • Mais econômico: ok, livros digitais não enfeitam as estantes, mas também são mais baratos. De acordo com uma pesquisa realizada pelo site CupoNation, a economia é de, em média, 27%.
  • Menos peso: o Kindle é capaz de armazenar milhares de livros. Se é daqueles que não consegue sair de casa com, pelo menos, dois volumes, sua coluna certamente agradecerá se optar por um e-reader.
  • Tire suas dúvidas: questões de vocabulário ou tradução de palavras podem ser feitas na hora através do Kindle. Não é preciso pegar outro dispositivo para pesquisar.
  • Sem distrações: por falar em outros dispositivos, quem tem o hábito de ler no tablet ou smartphone é constantemente distraído por notificações. No Kindle, isso não acontece.
  • Leia amostras antes de comprar: ficar o tempo suficiente para ler um capítulo inteiro de um livro em uma livraria é difícil nos dias de hoje. No e-reader da Amazon, o usuário pode baixar uma prévia de qualquer título e ler onde quiser e quando puder.

Outros e-readers disponíveis no Brasil

Apesar de ser o mais popular, o Kindle não é o único modelo de e-reader disponível no Brasil. Por aqui, há também o leitor Lev, que conta com dois modelos, e o Kobo, com três opções.

Lev

O Lev Neo pesa 140g, tem capacidade de 8GB e iluminação de LED. Já o Lev Fit tem 140g, 4GB de memória interna e não conta com iluminação da tela. Os e-books devem ser comprados na livraria Saraiva. Diferentemente do Kindle, são compatíveis com cartão de memória de até 32GB e têm botões físicos para mudar páginas.

Já o tem o Kobo tem como opção mais básica o Kobo Clara HD. O aparelho pesa 166g, tem tela de 6 polegadas com resolução de 300 ppi com iluminação e capacidade de 8GB.

Kobo

O Kobo Libra H2O tem como diferencial o fato de ser à prova d’água. Além disso, tem opção de leitura no modo horizontal e vertical e a presença de botões para mudar as páginas. Com o peso de 192g, conta com tela de 300 ppi com 7 polegadas.

Por fim, o Kobo Forma tem especificações técnicas bastante semelhantes ao Libra H2O, sendo apenas um pouco mais fino e apresentando uma tela de 8 polegadas.

Os livros devem ser ser comprados na loja Rakuten Kobo.

AppGeek recomenda:

Taysa Coelho
Taysa Coelho
Jornalista formada pela UFRJ, escreve sobre tecnologia há sete anos. Carioca, atualmente, vive em Portugal, país que adotou. No tempo livre, gosta de ir à praia, ler, ver filmes e fazer maratonas de séries. O Instagram é sua rede social favorita, mas é o WhatsApp quem a salva das saudades de quem ficou no Brasil.