Chrome Flags: veja o que é, como usar e os top experimentos de 2020


Taysa Coelho
Taysa Coelho
Jornalista

O Chrome Flags é um serviço do Google que reúne vários recursos experimentais para o Chrome. De um modo geral, são voltados para desenvolvedores, mas muitas das funcionalidades vêm chamando a atenção de usuários comuns.

Entre elas, estão o modo escuro para Android e opções para acelerar o download de arquivos e navegação. Confira a seguir o que é e como usar o Chrome Flags. Descubra ainda quais são os melhores experimentos do serviço disponíveis em 2020.

O que é o Chrome Flags?

É um serviço do Google que reúne ferramentas para o Google Chrome que ainda estão em desenvolvimento. Foi pensado para profissionais de TI, mas está aberto ao público em geral.

O Google alerta, entretanto, que, por terem caráter experimental e ainda serem instáveis, ativar essas funcionalidades pode apresentar riscos aos usuários. Entre eles, estão a perda de dados de navegação e comprometimento de sua segurança e privacidade.

Alguns desses testes podem vir a se tornar recursos usados na versão final do Chrome. Outros, no entanto, podem ser desativados sem qualquer aviso prévio.

O Chrome Flags oferece opções para turbinar o Chrome no Android e no computador (Windows e Mac OS).

Como usar o Chrome Flags?

Usar o Chrome Flags é bastante simples. Basta digitar chrome://flags na barra de endereço do Chrome (claro!) e apertar a tecla Enter ou a setinha para ir, no caso do Android. Logo, você será direcionado para a página do serviço, que reúne uma vasta quantidade de experimentos.

Chrome Flags

É possível usar a barra de pesquisas, no topo da tela, para buscar por algum recurso específico ou rolar a página para ver um a um. Caso encontre algum que interesse, clique sobre a caixa de Disabled (desabilitado, em livre tradução) ou Default (padrão). Então mude para Enabled (habilitado).

Chrome flags

Em seguida, surgirá uma mensagem na parte de baixo da tela, informando que é necessário reiniciar o programa para aplicar a atualização. Para isso, vá em Relaunch now.

Depois disso, já pode aproveitar dos benefícios da ou das funções ativadas.

Chrome não abre? 5 formas rápidas de resolver o problema!

Melhores Chrome Flags para o computador

É possível encontrar uma flag ao digitar seu nome, funcionalidade ou hashtag relacionada no campo de buscas. Abaixo de cada recurso experimental listado a seguir, disponibilizamos a tag relacionada para facilitar a pesquisa.

1. PIP mode

Tag: #enable-surfaces-for-videos

Chrome Flags

Permite ativar o modo de visualização Picture in Picture para vídeos rodados no navegador. Isto significa que é possível continuar lendo os conteúdos de uma página ou acessar novas abas e programas enquanto o player roda em primeiro plano.

Basta clicar duas vezes com o botão direito sobre o vídeo e optar por Picture in Picture no menu que abrir.

2. Rolagem de tela suave (também disponível para Android)

Tag: #smooth-scrolling

Um deslizar de tela mais suave. O que esse recurso oferece pode soar um pouco estranho, mas o fato é que torna a navegação mais agradável. A rolagem não para repentinamente, mas de modo gracioso. Funciona tanto com o mouse quanto o deslizar do dedo pela tela do celular.

3. Foco total

Tag: #focus-mode

Chrome Flags

Esse experimento permite usar o chamado Modo Foco, que promete livrar os usuários de distrações na navegação. Para ativá-lo, basta acessar o site que deseja, clicar com o botão direito do mouse sobre a aba (não sobre a página) e ir em Focus Mode.

A página, então, é aberta em uma nova janela sem barra de endereço, de ferramentas ou botões. Ou seja, mantém apenas o título e a barra de rolagem lateral, como na imagem acima.

4. Acelerar o download de arquivos (também disponível para Android)

Tag: #enable-parallel-downloading

A função de download paralelo promete acelerar a velocidade do download de arquivos no Chrome. Se durar mais de dois segundos, o navegador divide o processo em três conexões com o servidor, a fim de torná-lo mais rápido. No final, as une novamente em um arquivo único.

5. Acelerar a navegação (também disponível para Android)

Tag: #enable-quic

O recurso permite aos usuários testarem o Quic, protocolo de comunicação que ainda está sendo desenvolvido pelo Google. A novidade promete ser muito mais segura e veloz que os padrões já existentes.

Chrome Flags

Isto porque os modelos atuais precisam trocar de 2 a 3 mensagens com os servidores até conseguirem estabilizar a conexão. Já o Quic não precisa de uma sequer, diminuindo o tempo de resposta entre o computador e o servidor (latência). Com isso, consegue tornar a navegação mais rápida.

Melhores Chrome Flags para o Android

6. Acesso facilitado aos botões de navegação

Chrome Flags

Tag: #enable-chrome-duet-labels

A função experimental disponibiliza na parte de baixo do navegador botões de navegação importantes. O recurso é ideal para usuários de telas grandes, uma vez que, para alcançá-los na versão tradicional do Chrome, é necessário atingir o topo da tela.

Nesse caso, a parte superior fica somente com a barra de navegação. Embaixo, temos os botões Home, Compartilhar, Pesquisa, de acesso às abas e de mais opções.

7. Modo escuro

Tag: #enable-android-night-mode

Diferente da versão para computadores, o Chrome para Android ainda não oferece o modo noturno de exibição de forma nativa. Para usá-lo, é necessário pesquisar e ativar o recurso indicado pela tag acima.

Aprenda a ativar o modo escuro no Google Chrome.

8. Espie um link antes de entrar

Chrome Flags

Tag: #enable-ephemeral-tab

Quem nunca ficou curioso para acessar um link, mas acabou não clicando por não querer ser redirecionado e sair da página de origem? Pois com essa função experimental, seus problemas acabaram!

Ao ver um link, toque sobre ele e segure por alguns segundos. No menu que abrir, vá em Visualizar Página. A página irá sobrepor parcialmente aquela de origem. Ao fechar a nova janela, o usuário pode continuar a leitura do ponto onde parou.

9. Avance e volte páginas com um arrastar de dedos

Tag: #overscroll-history-navigation

É uma mudança bem simples, mas que facilita bastante a navegação. Ao ativar o experimento, o usuário passa a conseguir voltar ou avançar para uma página já visitada apenas arrastando o dedo para esquerda ou para direita. Simples e prático.

10. Pesquisa por voz rápida

Tag: #enable-query-in-omnibox

Pesquisas por voz no Google podem ser muito úteis quando se está ocupado com diversas tarefas ao mesmo tempo. E esse recurso experimental facilita o processo ao inserir o ícone de um microfone na barra de endereços do navegador.

Basta tocar sobre a barra para ver o ícone. Ao encostar sobre ele, a pesquisa por voz é ativada.

Como desativar as flags do Chrome?

É possível desativar um recurso experimental individualmente, ao voltar à página chrome://flags e trocar a opção Enabled por Desabled ou Default. Se quiser cancelar todos de uma só vez, clique em Reset all to default, no topo da tela.

Chrome Beta: teste as novidades sem riscos

Gosta de conhecer as novidades, mas prefere não se arriscar às instabilidades oferecidas pelos recursos experimentais? Uma opção é usar o Chrome Beta, versão de testes do navegador, na qual são testados possíveis novos recursos antes que cheguem aos consumidores da versão final.

O programa está disponível para Windows, Mac, Linux, Android e iOS. Os usuários recebem atualizações semanais e podem ajudar o Google dando feedback sobre as funcionalidades. Dependendo da resposta, a empresa pode realizar mudanças ou, até mesmo, sequer implementar a função na edição estável do browser.

Outro forma de adicionar recursos extras ao navegador é através de plugins. O AppGeek listou as 12 melhores extensões para Google Chrome. Veja também como baixar e instalar o Google Chrome offline em 5 passos.

Taysa Coelho
Taysa Coelho
Jornalista formada pela UFRJ, escreve sobre tecnologia há sete anos. Carioca, atualmente, vive em Portugal, país que adotou. No tempo livre, gosta de ir à praia, ler, ver filmes e fazer maratonas de séries. O Instagram é sua rede social favorita, mas é o WhatsApp quem a salva das saudades de quem ficou no Brasil.