10 aplicativos incríveis para ler livros no seu celular


Sabryna Esmeraldo
Sabryna Esmeraldo

Há ainda quem estranhe o hábito de ler livros no celular. Alguns aplicativos, por outro lado, ja oferecem recursos que fazem do aparelho uma plataforma tão confortável e prática para a leitura de livros, que a atividade se torna tão ou mais agradável que o consumo de quaisquer outros conteúdos a que temos acesso pelo smartphone.

Quer conhecer alguns? Fica de olho então nesses 10 aplicativos que temos para te indicar!

1. Amazon Kindle

Amazon Kindle

Kindle: entenda como funciona o e-reader da Amazon neste guia completo

O Kindle, um dos e-Readers mais famosos do mercado, conta com um app que possibilita a leitura dos e-books pelo celular. O aplicativo permite comprar livros digitais na loja Amazon e busca oferecer a experiência mais agradável possível.

O usuário pode controlar o tamanho e tipo da fonte, marcar uma parte do texto e acessar traduções instantâneas sem sair da página que está lendo. Também é possível mudar a cor da página e a intensidade do brilho.

O aplicativo funciona de forma integrada com o dispositivo Kindle, caso o usuário o tenha. É possível começar a leitura em um onde parou no outro, assim como acessar os destaques feitos. Contanto que estejam associados à mesma conta e tenham acesso à internet.

  • Amazon Kindle (grátis, com compras dentro do app) Android | iOS

2. Kobo Books

kobo books

O Kobo Books é a versão do e-reader físico Kobo para smartphones. São mais de 5 milhões de títulos, que podem ser lidos no celular com os mesmo recursos do aparelho original Kobo.

O usuário tem acesso a títulos disponíveis em vários idiomas. Caso tenha o leitor físico, pode continuar a leitura de onde parou. Pode também personalizar a experiência, ajustando tamanho e estilo da fonte, adicionando notas e criando destaques.

  • Kobo Books (grátis, com compras dentro do app): Android | iOS

3. Wattpad

Wattpad

O Wattpad traz uma proposta um pouco diferente para aqueles que curtem conhecer novos livros e ler no smartphone. O app reúne uma comunidade global de leitores que, por meio do app, podem compartilhar histórias autorais e ler publicações de autores de todo o mundo.

O app permite que o usuário se conecte a outros escritores, discuta as tramas dos livros e compartilhe seus trechos favoritos. Através da criação de listas de leitura, seus amigos podem ficar sempre por dentro do que você está lendo. A experiência social vai além com o recurso de leitura em conjunto.

Multiplataforma, o serviço permite sincronizar sua conta no Wattpad e ver o conteúdo no computador, tablet, Kindle ou outro smartphone.

  • Wattpad (grátis, com compras dentro do app): Android | iOS

4. PocketBook Reader

PocketBook Reader

PocketBook Reader é aplicativo de leitura para os mais variados tipos de conteúdos virtuais. É compatível com e-books, revistas digitais, gibis e até mesmo audiobooks. O app tem suporte a 26 formatos diferentes, entre eles EPUB, FB2, MOBI, PDF, DJVU, DOCX, PDF, CBR e CBZ.

O aplicativo pode ser usado para a leitura de livros obtidos anteriormente ou para compras em sua própria Biblioteca. Independente de qual for o caso, a plataforma promete uma experiência intuitiva e que proporciona uma experiência personalizada.

O usuário pode definir tamanho do texto, cores, layout das páginas (simples ou dupla) e se deseja usar efeito ao passar as páginas. Há ainda recursos de ajuste de brilho da tela e destaque de texto.

  • PocketBook Reader (grátis, com compras dentro do app) Android | iOS

5. Aldiko Book Reader

Aldiko Book Reader

6 melhores sites para unir PDF online e juntar os arquivos de graça

Um dos aplicativos mais populares para leitura de livros, o Aldiko suporta arquivos EPUB, PDF com ou sem proteção DRM Adobe. Mas também disponibiliza um catálogo de livros digitais em francês, inglês, espanhol, italiano e alemão.

Para uma experiência de leitura totalmente personalizável, a ferramenta possibilita que o leitor defina tamanho, tipo e cores da fonte. Cores do fundo, margem, alinhamento, espaçamento entre linhas e brilho também são ajustáveis.

Com um sistema avançado de gerenciamento de biblioteca, permite que o leitor importe seus arquivos e organize seus e-books por tags e coleções. Ainda oferece recursos como pesquisa global de livros e dicionário.

  • Aldiko Book Reader (grátis, com compras dentro do app): Android | iOS.

6. FBReader

FBReader

O FBReader é um leitor de e-books open source bastante completo e compatível com diversos formatos. O app é compatível com arquivos de livros digitais ePub , Kindle azw3 (mobipocket), fb2(.zip). RTF, .doc e HMTL.

No quesito personalização, permite usar fundos personalizados, controlar a luminosidade e usar fontes externas. O usuário também pode sincronizar sua biblioteca (com posições de leitura e páginas marcadas) no serviço baseado na nuvem do FBReader.

O aplicativo conta com navegador integrado para acessar bibliotecas externas. A versão paga do aplicativo ainda disponibiliza recursos como incluir mais de dez livros e acessar a tradução online de conteúdo.

  • FBReader (grátis, como opção de plano pago) Android | iOS.

7. Apple Books

Apple Books

Conheça os melhores aplicativos para ler HQ no Android e no iPhone

Como o nome indica, o Apple Books é o app oficial de leitura de livros digitais da fabricante do iPhone e iPad. De acordo com a empresa, o aplicativo disponibiliza milhões de e-books e audiobooks, dos mais diferentes gêneros.

A personalização da experiência fica por conta de recursos como escolha de fontes do texto, marcação de página e destaque de trechos. Há ainda busca rápida de palavras, Modo Noite e ajuste de brilho da tela.

A plataforma disponibiliza amostras gratuitas com trechos dos livros, que ajudam os usuários a decidir sobre a compra da obra. Um diferencial em relação a outros apps do gêneros está na possibilidade de emprestas títulos para até 5 familiares através do iCloud.

  • Apple Books (grátis, com compras dentro do app): iOS

8. Google Play Livros

Google Play Livros

App oficial de leitura de livros digitais para Android, o Google Play Livros também disponibiliza milhões de e-books e audiolivros. São livros didáticos, histórias em quadrinhos, romances, suspenses e muito mais.

O serviço conta com sincronização com outros dispositivos, permitindo continuar a leitura de outro aparelho Android, iPhone ou qualquer navegador. Além disso, tem a opção ler offline, de fazer anotações sincronizadas com seu Google Drive e de compartilhá-las com outros grupos.

Assim como vários apps do Google, o Google Play Livros também conta como modo de leitura noturno.

  • Google Play Livros (grátis, como compras dentro do app): Android | iOS

9. Scribd

scribd

O Scribd é uma espécie de serviço de streaming de leitura. Ao em vez de comprar o título que deseja, o usuário paga um valor mensal para ter acesso a audiolivros, livros, artigos de revistas, partituras e muito mais.

Se entre as opções de livros estão alguns dos mais vendidos e premiados, em Notícias, o leitor pode acessar artigos de veículos conceituados. Bloomberg Businessweek, Time Magazine, People Magazine, The New York Times, The Wall Street Journal são alguns deles.

O app também disponibiliza a opção de baixar e ler os livros offline.

  • Scribd (download grátis, requer assinatura): Android | iOS.

10. Goodreads

Goodreads

Mais que uma plataforma para leitura de livros digitais, o Goodreads é conhecido pelo espaço que disponibiliza para críticas e recomendações de diferentes leituras. Além da habitual compra de títulos, a plataforma permite pegar obras emprestadas.

Dentre os recursos oferecidos estão a possibilidade de ver as críticas de milhões de livros e adicioná-los com um toque à lista daqueles que deseja ler. A partir dessa lista, o serviço gera recomendações personalizadas de livros. Também é possível se conectar a seus amigos e descobrir o que eles estão lendo.

  • Goodreads (grátis, com compras dentro do app): Android | iOS

AppGeek recomenda:

Sabryna Esmeraldo
Sabryna Esmeraldo
Cearense com muito orgulho, graduou-se em Jornalismo, em 2012, pela Universidade de Fortaleza e, atualmente, é Mestranda em Comunicação, Arte e Cultura na Universidade do Minho, em Portugal. Trabalha como repórter desde 2010, mas é nerd de carteirinha desde criança.