6 apps que dão o efeito Olho de Peixe para a câmera do seu celular


Sabryna Esmeraldo
Sabryna Esmeraldo

Cada vez mais, efeitos normalmente alcançados apenas em câmeras profissionais, com lentes específicas, são simulados por aplicativos de smartphones. O famoso efeito "olho de peixe" (Fisheye ou Efeito Gopro), que consegue capturar imagens em 180 graus, é um deles.

Separamos 6 apps que possibilitam alcançar esse efeito queridinho direto da câmera do seu celular!

1. Fisheye Lens - Lomo Camera

fisheye lens

Para garantir que o usuário consiga alcançar o efeito desejado, o Fisheye Lens - Lomo Camera traz dez lentes fisheye diferentes. A quantidade de efeitos de filmes não fica muito atrás: são oito no total.

Ainda é possível ajustar a intensidade de cada lente em tempo real e editar fotos que não foram feitas pelo app.

  • Fisheye Lens - Lomo Camera (pago): iOS.

2. Fisheye Lens Pro

fisheye lens pro

Com a proposta de garantir as ferramentas necessárias para as melhores fotos de ângulos mais abertos, este aplicativo conta com oito lentes olho de peixe. Elas vão desde um leve efeito GoPro até uma grande distorção.

O app ainda traz 28 layouts flexíveis para quem curte colagens de fotos, que permite que que o usuário as faça enquanto fotografa. Ainda é possível escolher entre cerca de 90 diferentes filtros.

  • Fisheye Lens Pro (grátis) Android

3. Fisheye Plus Pro

fisheye plus pro

Ao todo, este app traz cinco lentes no estilo olho de peixe. São três circulares, uma full frame e a famosa Crystal Ball Len. Essa última dá aquela impressão de que a foto foi feita com uma pequena bola de cristal em primeiro plano.

Para garantir a edição das fotos, o usuário também dispõe de Ringflash de sete cores, efeitos que mudarão a tonalização das imagens. Para além, o aplicativo oferece 22 efeitos de filme.

Com uma interface simples, o app traz comandos como trocar de lentes, efeitos de filmes e filtros com apenas um clique. Também é possível compartilhar suas fotos nas redes sociais já a partir do aplicativo.

  • Fisheye Plus Pro (pago) iOS

4. SKRWT

SKRWT

Este app vai um pouco na contramão dos demais. Desenvolvido para auxiliar o usuário a aprimorar suas fotografias, o SKRWT se apresenta como a ferramenta de correção de lente e de alteração de perspectivas mais poderosa que existe.

Ou seja, com ele, será possível corrigir distorções que possam ter sido provocadas por lentes Olho de Peixe, DLSR, GoPro ou câmeras de drones.

Além de reparar distorções e perspectivas, também faz a conserto dos quatro pontos totais da foto e ainda cria imagens espelhadas.

  • SKRWT (grátis, com comprasd dento do app) iOS | Android.

5. ProCam 5

procam5

Este é um poderoso aplicativo de fotografia e edição de imagens. Apenas na função fotografar e filmar, oferece as opções de modo noturno, disparo lento, fotos 3D, slow motion, time lapse, entre outros.

O usuário ainda pode alterar foco, exposição, velocidade do obturador, ISO, balanço de brancos e resolução da foto e do vídeo.

É possível tirar fotos enquanto um vídeo está sendo gravado, medir o áudio e marcar a localização geográfica. Se quiser, pode usar grades de alinhamento e configurar o flash.

Já para edição (que neste app preserva a imagem original), estão disponíveis 60 filtros e 17 diferentes lentes, entre elas, a Olho de Peixe.

  • ProCam 5 (pago): iOS

6. FishEyeVideo Free (Android)

fisheye video free

Este app conta com oito tipos de lentes Olho de Peixe que podem ser usadas para fotografar direto do aplicativo. Do efeito Fisheye circular ao diagonal, com diferentes níveis de força e distorção.

Além disso, a ferramenta traz variados efeitos de filmes, como mono, negativo, solarize, entre outros. O aplicativo ainda permite o compartilhamento das imagens com redes sociais direto de sua plataforma.

  • FishEyeVideo Free (grátis) Android.

AppGeek recomenda:

Sabryna Esmeraldo
Sabryna Esmeraldo
Cearense com muito orgulho, graduou-se em Jornalismo, em 2012, pela Universidade de Fortaleza e, atualmente, é Mestranda em Comunicação, Arte e Cultura na Universidade do Minho, em Portugal. Trabalha como repórter desde 2010, mas é nerd de carteirinha desde criança.